Veterinária
Alergias em cães
09/07/2020
Alergias em cães
Quem já teve um cão alérgico, sabe bem como é a sensação de coceira contínua no seu animalzinho. A coceira chega a ser tão intensa que alguns cães deixam de dormir, comer e brincar para se coçarem o tempo todo. Esta situação não incomoda somente o cão, mas também o seu tutor que muitas vezes fica angustiado ao ver seu animal de estimação nesta situação....mas não desanime! No caso das alergias, atualmente existem várias formas de se controlar a coceira e o dermatologista vai desenvolver um tratamento mais adequado para seu cão viver bem e livre das coceiras.
Prurido é a sensação que manifesta no cão o desejo de se coçar e é o sintoma mais importante da dermatologia veterinária. É a presença do prurido ou não que determina muitas vezes se o animal é alérgico ou não.
Antes de definir se um cão é alérgico, é necessário descartar as doenças parasitárias, bacterianas, fúngicas e auto-imunes.
Dentre as alergias do cão estão:  DAPE (dermatite alérgica a picada de pulgas), Hipersensibilidade alimentar e Dermatite Atópica (ambiental).
É importante salientar que o diagnóstico das alergias é baseado na identificação da faixa etária e racial, na anamnese (histórico), exame físico e exames laboratoriais.
Como a dermatite atópica é uma doença crônica comum em cães e não existe ainda uma causa exata da sua origem, o tratamento atual é baseado numa terapia multimodal buscando um equilíbrio da microbiota cutânea e reforço da hidratação trazendo melhor qualidade da barreira cutânea dos animais alérgicos.

Dr.a Simone Melo
CRMV-SP 11.466
Médica Veterinária formada pela Universidade do Oeste Paulista em 1998
Pós graduada em Clínica Geral pela Instituição de Ensino Faculdade Quallitas em 2004
Pós Graduada em Dermatologia Veterinária pela Universidade Anhembi Morumbi em 2018
Atualmente atua como médica veterinária do Hospital Veterinário Bionicão - Sorocaba